Ashes of Creation: O que podemos esperar do jogo?

Ashes of Creation: O que podemos esperar do jogo?

28 de janeiro de 2022 0 Por A Banca Nerd

Ashes of Creation é um MMORPG que tem sido muito falado ultimamente, sendo desenvolvido para PC pelo estúdio Intrepid Studios. Baseado em uma mitologia medieval, o jogo está na promessa de trazer um mundo aberto invador que será moldado pelas ações dos jogadores, a própria desenvolvedora avisa que todas as escolhas terão consequências e que cada jogador terá uma experiência única no jogo, algo que pessoalmente me chamou bastante atenção, misturando também elementos de ação e estratégia em um combate 3D e se caracteriza por ser um jogo pago em um sistema de assinatura que custa US$ 15 mensais, cerca de R$80,77 na cotação atual.

Apesar de não ter uma data de lançamento oficial, Ashes of Creation ainda está nas fases de testes, mas já possuí os requisitos mínimos e recomendados para jogar.

Seu mundo se chama Verra e, de acordo com a sinopse, esse é um “mundo caído intocado por civilizações a milhares de anos”. Portanto, os jogadores têm os objetivos de reconstruir, repopular e redescobrir esse cenário, explorando cada parte do mundo e suas curiosidades. No meio dessa aventura, além dos outros seres humanos, os usuários se encontram com monstros e criaturas que “vagueiam enquanto a civilização perturba a ordem natural”.

Um dos diferenciais do jogo será os “Node”. Segundo a Intrepid, trata-se de um sistema que interliga os acontecimentos para que as ações dos jogadores sejam sentidas pelos outros, gerando assim uma grande cadeia de eventos. Uma das formas de intervir no andamento desse universo será influenciando a diplomacia e os tipos de construção em uma região.
Por exemplo, o jogador que for o prefeito daquele Node, terá em suas mãos o poder de controlar aquela área e fazer ela prosperar, fazendo ações que os outros jogadores daquele Node também irão sofrer, por exemplo, uma mudança na economia daquela região.

Ao todo, são noves raças jogáveis que podem evoluir para outras dezenas de classes:

  • Aela Humans (Kaelar e Vaelune);
  • Pyrian Elves (Empyrean e Py’rai);
  • Kaivek Orcs (Ren’Kai e Vek);
  • Dünzenkell Dwarves (Dünir e Niküa);
  • Underrealm (Tulnar).

Lançamento

O MMO ainda não possui uma tata oficial de lançamento. Os desenvolvedores estão atualizando os fãs a partir de lives na Twitch e YouTube, onde explicam sobre o processo de criação, dificuldades, design de novos personagens e mais.

Plataformas

Ashes of Creation está sendo desenvolvido somente para PC (Windows), por enquanto. Contudo, o Intrepid Studios explica que pode considerar a realização de ports para consoles em uma data no futuro. Provavelmente essa possibilidade será levada em consideração se a recepção do público for positiva e acima do esperado.

Requisitos

Configurações mínimasConfigurações recomendadas
Sistema OperacionalWindows 10 64-BitWindows 10 64-Bit
ProcessadorIntel Core i3-2125 3.3GHz / AMD Phenom II X4 3.3GHzCore i7-6700K 4.0GHz / AMD FX-9590 4.7GHz
Placa de vídeoNvidia GeForce GTX 460 ou AMD Radeon 6870 HD com 1GB e DirectX 12Nvidia GeForce GTX 1060 ou AMD Radeon R9 Fury com 4GB e DirectX 12
Memória6 GB RAM16 GB RAM
InternetBanda LargaBanda Larga
Armazenamento15 GB de espaço disponível em disco15 GB de espaço disponível em disco
Placa de somPlaca compatível com DirectXPlaca compatível com DirectX

Para aqueles que estão com a dúvida de que o jogo será lançado para português, não há nenhuma confirmação de que Ashes of Creation possui legendas, menus ou pelo menos suporte em português. De acordo com o FAQ do game, o título estará disponível em inglês, francês, alemão e russo.

Apesar desse posicionamento, o Intrepid Studio continua analisando para quais outras línguas o jogo será traduzido. Contudo, não há nenhum indício, até agora, de que Ashes of Creation será lançado em português, uma vez que nenhuma comunicação relativa ao título está em PT-BR.

O jogo até o momento está sendo planejado para ter servidores em quatro regiões:

  • América do Norte
  • Europa
  • Ásia/Pacifico
  • Austrália

Até ser confirmado uma data oficial de lançamento, nos resta esperar e ficar acompanhando mais sobre Ashes of Creation. Pessoalmente, estou curtindo muito com o jogo está sendo desenvolvido, apesar das promessas deixarem a gente com um frio na barriga, do que foi apresentado até o momento está sendo bem falado pela comunidade, o jogo pretende trazer novas mecânicas como os Nodes, algo que possa fortalecer o roleplay do game e não deixa-lo apenas com os conteúdos convencionais de PvP e PvE.