EA anuncia grande reformulação para Battlefield e “universo conectado” para a franquia

EA anuncia grande reformulação para Battlefield e “universo conectado” para a franquia

2 de dezembro de 2021 0 Por A Banca Nerd

A série Battlefield passará por uma reestruturação significativa, a franquia deve receber um “universo conectado” entre os jogos, e com títulos vindo de mais estúdios além da DICE.

Como parte da reestruturação, a franquia passará a ser chefiada por Vince Zampella, co-fundador da Respawn Entertainment, que encontrou enorme sucesso para a EA com Apex Legends, lançado em 4 de fevereiro de 2019.
Zampella também foi uma figura importante na criação e sucesso de Medal of Honor nos anos 1990 e Call of Duty nos anos 2000, isso antes de ser demitido de forma infame pela Activision e o CEO Bobby Kotick.
Além disso, o atual gerente geral da DICE, Oskar Gabrielson, deixou o estúdio quanto a EA para buscar um “novo empreendimento”. A DICE também passará a ser um de três estúdios responsáveis pela franquia, com os outros dois sendo o Ripple Effect, estúdio responsável pelo modo Portal de Battlefield 2042, e Marcus Lehto, novo estúdio conhecido por seu trabalho na Bungie durante a criação de Halo e considerado o “pai” do Master Chief.

O estúdio de Lehto, em particular, deverá se focar em experiências narrativas e elementos de história que poderão ser aproveitados pelos outros estúdios para seus próprios projetos, que devem ser vistos no futuro de Battlefield 2042.

Enquanto ele e seu time na região de Seattle estão só começando a construir o mundo de Battlefield de amanhã, seu trabalho vai moldar as temporadas posteriores de 2042 e além.

Explicou Byron Beede, gerente geral da franquia

Esse novo estúdio vai agir como o guia para narrativa em colaboração forte com a DICE e Ripple Effect Studios para ajudar a construir ótimas experiências para jogador no universo Battlefield.

Zampella também expandiu sobre os planos iniciais mais amplos desse universo compartilhado.

Vamos continuar a evoluir e expandir Battlefield 2042, e vamos explorar novas experiências e modelos de negócios pelo caminho que possamos adicionar a essa fundação para criar um leque de experiências incríveis para nossos jogadores. Neste universo, o mundo é interconectado com personagens e narrativas compartilhadas. Este universo também é construído com nossa comunidade, enquanto utilizamos o poder de Portal e conteúdo gerado por usuários que colocam a criatividade nas mãos de nossos jogadores

disse Zampella

Nem o próprio Zamepella nem a EA entraram em maiores detalhes sobre esse tal universo compartilhado, mas “modelos de negócios” da indício de que há ao menos consideração por um Battlefield em formato de jogo como serviço, tal como o próprio Apex Legends.

O anúncio dessa reformulação da franquia vem nas rédeas da péssima recepção de Battlefield 2042 em seu lançamento, atingindo o patamar de um dos jogos mais mal avaliados na Steam.

Battlefield 2042 vêm apresentando bugs, problemas técnicos, instabilidade, insatisfação com as mecânicas e jogabilidade, além de outros fatores têm sido críticas recorrentes ao jogo, que recebeu uma grande atualização corretiva nos últimos dias.

Assim, seja uma resposta imediata ao problema ou algo que já era planejado há algum tempo, a reestruturação marca uma nova fase para a franquia, que além de BF 2042 terá um jogo mobile e “uma nova experiência” que vem sendo desenvolvida pela Ripple Effect.

Aos interessados, Battlefield 2042 está disponível para PC, PS4, PS5, Xbox One e Xbox Series X|S.